Logo Tipo

E, ao sétimo dia da Cria, ainda não conseguimos parar de lhe contemplar as feições… Uma cara e um corpo enigmáticos, uma beleza que o politicamente correto apelidaria de “especial”. Ou mesmo… “exótica”…

Quem o concebeu foi a nossa parideira de todas as imagens – cuja imparável fertilidade criativa já se prepara para deitar para este mundo mais uma ninhada de criaturas que vão precisar de tanto ou mais afeto do que esta -, mas os pais somos todos nós que lhe dedicamos tempo e carinho infinito.

Considerámos a hipótese de o batizar apenas como Tipo (ou, como também foi equacionado, Tipo Um), mas uma epifania de contornos algo shakespearianos soprou-nos ao ouvido que abençoado seria se se desse a conhecer como Logo Tipo – e assim ficou, e assim seja…

Logo Tipo tem sete dias de vida, já mudou de cor pelo menos por três vezes, tem umas bizarras manchas brancas estrategicamente espalhadas pelo corpo, patas da frente que insistem em ficar permanentemente encolhidas, focinho subtilmente achatado e, pelo que nos apercebemos, ainda não deixou de nos fitar por um segundo que fosse com aqueles olhos tão simetricamente perfeitinhos que deus lhe deu (apenas não garantimos que tal não tenha acontecido porque – confessamos – desde o seu nascimento já ousámos adormecer meia dúzia de vezes por uns quantos minutos…).

Diversas outras crias que por ele passaram nesta sua intensa semana de vida trataram-no como um reles gato ou como um mero rato ou como um vulgar tatu ou como uma miríade de outros mundanos delírios animalescos. Coisas de crianças… Mas ele sabe que não é nada disso, ele sabe que é singular e que não há no universo outra criatura que se lhe compare. Apesar dessas ofensas, lida de forma igualmente feliz com gatos, ratos, tatus e todos os outros animais que o rodeiam no seu agitado quotidiano. Prova disso é que até já tem uma lenga lenga (aliás, uma parlenda, uma vez que é de origem brasileira) predileta, relativamente à qual se refere ironicamente como sendo “a minha cara”:

“Gato escondido com rabo de fora
tá mais escondido que rabo escondido com gato de fora.”

 

 

Moreno Fieschi

Advertisements

Leave a comment

Filed under (...)

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s