Yara Kono: uma exposição e dois livros

 

Yara Kono, a premiada artista e ilustradora nipobrasileira da Planeta Tangerina, é – a partir de hoje – um dos imperdíveis destaques do 22º Festival Internacional de Banda Desenhada da Amadora, inaugurado anteontem. Nem as aparentemente inevitáveis e contagiosas contenções orçamentais conseguiram impedir a realização do já histórico festival. Pequenos e crescidos por certo encontrarão na lista de programação sobejas razões para uma visita. Começando pelo tema apetecível (“Humor”), teremos os 60 anos dos “Peanuts”, “Astérix entre os Portugueses”, Adolfo Simões Müller e Vasco Granja, para além da presença de outros incontornáveis nomes da BD nacional e mundial. Há ainda as “Oficinas de cinema de animação e música digital”, entre outras propostas para os mais pequenos, aos sábados e domingos de manhã, até 6 de novembro. Na Casa Roque Gameiro, podemos apreciar devidamente os adoráveis detalhes das ilustrações e experiências de Yara Kono para a obra que venceu o Prémio Nacional de Ilustração de 2010, “O papão no desvão” (Caminho, 2010), com texto de Ana Saldanha.

 

 

Vale igualmente a pena atentar no recente e cativante livro “Eu só – Só eu”, de Yara Kono, autora de ilustrações marcantes no âmbito da produção literária infantil portuguesa dos últimos anos. As imagens expandem os afetos escondidos no texto, aqui reduzido à mais poética essencialidade, novamente pela pena de Ana Saldanha.

 

 

Claro que nem todas as parcerias são tão equilibradas. Em “O ar está cheio de vozes”, por exemplo, o potpourri de poemas compostos por Raul Malaquias Marques (com quem a ilustradora já havia partilhado a autoria do livro “De sol a sonho”, publicado pela Caminho em 2009), que Yara Kono alegre e diligentemente ilustra, apesar de irónicos e bem humorados, muitas vezes resvalam para uma poeticidade algo desgastada.

Para finalizar, uma pergunta: quem é capaz de descobrir, no livro “Eu só – Só eu”, o detalhe de ilustração que surge no cabeçalho do blogue da ilustradora, a transbordar de maravilhosas fotografias?

 

até 6 novembro
Yara Kono, “O papão no desvão”
22º Festival Internacional de Banda Desenhada
Casa Roque Gameiro, Amadora
[a partir dos 6 meses]

 

livro “Eu só – Só eu”, de Ana Saldanha com ilustrações de Yara Kono
Caminho, 2011
[a partir dos 3 anos]

 

livro “O ar está cheio de vozes”, de Raul Malaquias Marques com ilustrações de Yara Kono
Caminho, 2011
[a partir dos 5 anos]

 

Paula Pina

Advertisements

Leave a comment

Filed under Ilustração, Literatura

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s