“Geometry of circles”, de Philip Glass

 

Crescer em contacto regular com as mais inteligentes e exigentes expressões artísticas (desde que adequadas a cada fase do desenvolvimento sensorial das crianças) é meio caminho para desenvolver os mais inteligentes e exigentes padrões de sensibilidade naqueles que à nossa volta se educam. E raras vezes esse nível de inteligência e exigência na arte criada especificamente para os mais pequenos foi tão elevado quanto nos momentos canónicos da “Sesame Street”. Um deles, particularmente genial no modo como promove o infinito potencial de simbiose minimalista que pode nascer entre a animação e a música, foi concebido em 1979 por Cathryn Aison, que encomendaria o respetivo complemento sonoro a Philip Glass. São quatro curtas peças (editadas sequencialmente no video disponível aqui em baixo) com o título genérico “Geometry of circles”, ecos sublimes da sua obra prima “Einstein on the beach” em assumida versão para todas as idades, para relembrar (ou descobrir) por ocasião do 75º aniversário do compositor, que neste 31 de janeiro se comemora.

 

Advertisements

Leave a comment

Filed under Ilustração, Música, Ram Ram, Televisão

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s