“O caderno vermelho da rapariga karateca”, de Ana Pessoa e Bernardo Carvalho [no Carrossel com Maria João Caetano]

 

“Eu não sou uma menina, sou karateca: o meu maior sonho é ter cinturão negro e ganhar os campeonatos todos de karaté. Tenho um nome, mas estou farta dele (só na minha turma há mais sete raparigas com o mesmo nome que eu). Sou a N. N é a segunda letra do meu nome.” Está apresentada esta menina de 14 anos que um dia comprou um caderno vermelho e começou a escrever um diário. Não um diário normal, daqueles com coraçõezinhos cor de rosa e onde todos os textos começam por “querido diário”. Este é um caderno de 240 páginas em branco, “qualquer coisa por ser”, e onde N vai escrevendo histórias verdadeiras e inventadas, sobre a escola e as aulas de karaté, os rapazes e as raparigas, os amigos e os menos amigos. “O caderno vermelho da rapariga karateca” é o primeiro livro de Ana Pessoa, que com este texto venceu, no ano passado, o Prémio Branquinho da Fonseca, atribuído pela Fundação Gulbenkian aos melhores originais para o público infantojuvenil. Porque a literatura para adolescentes não tem que ser (não pode ser) só composta por histórias de vampiros e novelas delicodoces, Ana Pessoa transporta-nos para o universo juvenil – das idas ao shopping, das mensagens de telemóvel, das dúvidas existenciais – sem nunca ceder ao facilitismo. Ao texto juntam-se as fabulosas ilustrações de Bernardo Carvalho na edição da Planeta Tangerina, que assim inaugurou uma nova coleção, intitulada “Dois passos e um salto”, destinada ao público juvenil.

 

Maria João Caetano [convidada do Carrossel Cria Cria*]

 

*O Cria Cria completou no início de junho um ano de vida. Como presente, pedimos um carrossel, no qual passámos, na companhia daqueles que ao longo deste ano nos ajudaram a crescer e a dar os primeiros passos, um delicioso verão. Agora que ele já está no fim, é no nosso carrossel que queremos aproveitar os seus últimos gloriosos dias. “A pedido de várias famílias”, as nossas viagens continuarão, neste mês de setembro, a ser feitas com outras crianças sem idade, como nós: escritores, editores ou distribuidores cujos trabalhos na área cultural e pedagógica para o público infantojuvenil nos motivaram e inspiraram ao longo destes nossos 15 meses de vida. Fieis ao lema de um antigo carrossel que garantia sempre “mais uma volta, mais uma emoção”, queremos que cada um desses nossos convidados passe um longo fim de semana connosco, partilhando a cada nova volta do carrossel uma nova emoção: propostas de paixões pessoais mais ou menos recentes neste campo (e não só…), ideias que nos tenham escapado e que sabemos que vão transformar o Carrossel Cria Cria numa aventura mais feliz e bonita. Sempre à sexta feira, ao sábado e ao domingo, aqui brindamos à entrada no nosso segundo ano e aqui nos despedimos do solarengo estio. Para continuar a fazer rodar o nosso Carrossel, temos neste fim de semana a companhia de Maria João Caetano, jornalista do Diário de Notícias.
Advertisements

1 Comment

Filed under Ilustração, Literatura

One response to ““O caderno vermelho da rapariga karateca”, de Ana Pessoa e Bernardo Carvalho [no Carrossel com Maria João Caetano]

  1. Leio Muito e SÓ CRIANÇA !

    Eu estou a ler este livro, é uma coisa fantástica. Parabens à autora!

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s